Qual a diferença em IRPJ e MEI?

O empreendedorismo é algo nato a muitos brasileiros, em busca de formas de se manter devido as dificuldades encontradas no mercado de trabalho e muitas vezes com o desejo de ser seu próprio chefe muitos trabalhadores são levados a abrirem suas próprias empresas e virarem assim microempreendedores.

Para que esses empreendedores adquiram todos os seus direitos de trabalhadores é necessário seu cadastro e de suas empresas para toda documentação estar de acordo com a lei e eles ficarem assegurados. A depender do valor arrecadado por esses empreendedores é necessário que eles declarem o Imposto de Renda 2021.  O imposto de renda consiste em uma declaração que algumas pessoas devem enviar para a Receita Federal informando todos os seus ganhos e gastos no ano anterior.

O imposto de renda possui duas modalidades diferentes de cobrança e uma delas é o IRPJ. Ele consiste no Imposto de Renda para Pessoa Jurídica, onde é destinado apenas para empresas, grupos e corporações empresariais. Devido a isso as únicas pessoas que devem pagar o IRPJ são as que possuem CNPJ e as regras para elas são um pouco diferentes.

Todas essas burocracias devem ser consideradas para a abertura de uma empresa e a garantia assim de todos os seus direitos. Em busca de se formalizar e evitar todas as burocracias e o pagamento de inúmeros impostos surgiu o MEI, uma modalidade que foi criada para auxiliar os microempreendedores individuais do país fazendo com que mais de dez milhões de empreendedores tenham se cadastrado e sejam grandes responsáveis por movimentar e impulsionar a economia brasileira.

Para quem deseja se formalizar e se dedicar exclusivamente ao seu negócio com poucos passos consegue fazer seu cadastro MEI, ter seu CNPJ e adquirir muitos benefícios e serviços empresariais para apoiar no crescimento de suas empresas. Além disso, os empreendedores conseguem maior segurança jurídica com o amparo da legislação brasileira.

Para se cadastrar no MEI é necessário cumprir alguns pontos que são eles:

  • Ter um faturamento anual limitado de R$81 mil;
  • Não ser sócio, administrador ou titular de outra empresa;
  • Ter no máximo um empregado contratado;
  • Não ser servidor público.

O MEI surgiu para facilitar a vida de muito microempreendedores brasileiros que através dele conseguem a garantia de seus direitos e são totalmente assegurados caso ocorra qualquer problema jurídico. Com ele a economia nacional também ganhou muitos benefícios pois esses empreendedores impulsionam economicamente o país promovendo a movimentação do mercado de trabalho e o fluxo de caixa. Com a modalidade MEI só é necessário que eles fiquem atentos as documentações e ao imposto de renda que devem pagar anualmente para que continuem andando sempre seguindo as conformidades de acordo com o governo.

5 benefícios que advogados com carteira da OAB podem ter acesso

A Ordem dos Advogados do Brasil é a instituição responsável por representar todos os advogados do país e enquanto profissional, tendo como principal função fiscalizar e orientar todas as atividades exercidas pelos advogados que fazem parte da ordem e proibir qualquer prática que infrinja o código de ética.

Para fazer parte da Ordem dos advogados é necessário que os concluintes do curso de direito façam suas inscrições OAB. Através da inscrição e da aprovação os alunos conseguem assim exercer a advocacia e trabalhar nessa carreira que é uma das mais desejadas. Durante o passar do ano a ordem realiza três exames e os interessados podem assim se preparar melhor para fazer a prova e estudar de forma antecipada para os exames e todas as futuras fases que virão.

O acompanhamento de informações sobre o exame e sobre a OAB em si é muito importante para que todos os alunos e interessados em exercer a advocacia pratiquem, para saber tudo que está de acordo com informações do portal OAB 2021.

A divisão em três etapas é separada em primeira, segunda e terceira edição da prova, onde nos três primeiros meses (dezembro, fevereiro e abril) acontece o lançamento do edital, abertura da inscrição e pagamento da taxa, aplicação da primeira prova teórica e a realização da segunda fase do exame que é  aprova pratico-profissional, com o posterior lançamento do gabarito complementar. A segunda edição acontece nos meses abril, junho e agosto, tendo as mesmas etapas que a primeira edição. Na terceira continuam as mesmas etapas e os meses são agosto, outubro e dezembro, fazendo com que o ciclo seja sempre esse, só mudando caso haja alguma alteração vindo da OAB.

A aprovação na prova da Ordem dos Advogados do Brasil além de possibilitar a prática da advocacia também traz muitos benefícios para a carreira desses profissionais, podem ser considerados banais para alguns, mas faz toda a diferença para esses profissionais, e alguns dos benefícios são:

  1. Descontos em livros: para quem escolhe seguir essa área é muito importante a cultura do estudo que proporciona maior conhecimento e sempre é bom esta se atualizando e procurando saber cada vez mais, através de livros da área de direito ou obras de literatura,  e algumas livrarias oferecem um desconto que pode chegar a 25%.
  2. Convenio de saúde: todos os profissionais devem ter esse direito que é tão básico e tão necessário, o cuidado com a saúde física e psicológica é fundamental principalmente para realidade turbulenta da vida de um advogado.
  3. Desconto na gasolina: uma grande vantagem para esses profissionais, já que o preço da gasolina no país só faz aumentar e é uma necessidade diária para que possam se transportar diariamente.
  4. Descontos em shows e cinema: eles têm direito a esses descontos assim como os estudantes e garantem preços promocionais mais baratos para garantirem um pouco de diversão.
  5. Descontos em passagem aéreas: outro benefício que conseguem graças a carteira da OAB é o desconto em passagens que são usadas tanto em viagens profissionais quanto de laser para aproveitarem lugares incríveis com os benefícios que possuem atribuídos graças a sua carreira.

Assim, ser um profissional da área do direito e possuir a carteira da OAB só proporciona benefícios tanto pessoais quanto profissionais e é o objetivo de muitos para dar uma alavancada em suas vidas.

INSS inicia projeto-piloto de prova de vida pela internet; veja como vai funcionar

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) é um dos principais órgãos públicos responsáveis por benefícios sociais que existe no país, ele é responsável por beneficiar milhares de pessoas todos os anos e garantir que todo o processo de funcionamento ocorra de forma adequada. Pensando no número de pessoas que são atendidas pelo INSS todos os anos e por se tratar de benefícios sociais específicos algumas medidas são tomadas para certificar a seguridade e evitar qualquer fraude que possa vir a existir.

Uma das principais medidas implementadas pelo INSS com o objetivo de evitar as fraudes do recebimento dos benefícios foi a obrigatoriedade da prova de vida. Todas as pessoas asseguradas por ele devem fazer todos os anos, independente da idade, do tipo de benefício que está sendo concedido ou a forma de recebimento, por conta corrente ou poupança. Os beneficiários que não fizerem a comprovação podem ter a suspensão do pagamento.

Como funciona a prova de vida do INSS?

A prova de vida é realizada nas agencias bancários que os beneficiários recebem seu benefício ou em alguns casos no próprio INSS. No caso das agencias bancarias o pedido é enviado a casa dos contribuintes favorecidos e a convocação é geralmente próximo a data de seu aniversario ou a data de inscrição no INSS, não é necessário fazer qualquer agendamento prévio, só basta chegar com algum documento de identificação nas agencias de recebimento e esperar ser atendido para fazer a prova de vida. No caso de a comprovação ser feita no próprio INSS é necessário um agendamento, que é feito por aplicativo, site ou telefone.

Diante da realidade da crise do corona vírus algumas medidas foram adotadas pelo INSS para garantir a segurança dos beneficiários, e a decisão da suspensão da prova de vida está em andamento desde o mês de março, sem data prevista para voltar o atendimento até ser considerado seguro para os beneficiários que em sua grande maioria fazem parte do grupo de risco. Pensando nessa suspensão e na incerteza da volta do funcionamento típico da instituição a implementação de uma prova de vida de maneira virtual vem sendo estudada, tudo ainda está em teste, mas representa uma grande solução a essa questão.

Pensando em uma maior facilidade e comodidade para os beneficiários ficarem informados sobre qualquer assunto referente ao INSS foi criado o Meu INSS, que é o site oficial do órgão público criado para atender as necessidades sociais, e pode ser acessado através de computadores, celulares e tablets. Por meio dele as pessoas conseguem tirar suas dúvidas e acompanhar todas as suas informações. Para acessar o portal Meu INSS 2021 só precisa da realização do cadastro e assim de forma digital e simplificada o acesso a vários serviços, como é o caso da prova de vida, vai estar literalmente na palma da mão.

Quais benefícios trabalhistas terão NOVAS regras em 2021?

Durante o passar dos anos alguns benefícios trabalhistas foram conquistados e perduram ate hoje, como é o caso das férias remuneradas, jornada de trabalho de no máximo 44 horas semanais e o seguro desemprego.

O seguro desemprego é um dos mais importantes benefícios garantidos pelos trabalhadores e é de grande importância para os cidadãos brasileiros que dependem do atual mercado de trabalho inconstante. Com o passar dos anos alterações foram surgindo e novas regras se aplicam ao processo de solicitação para esses trabalhadores conseguirem o direito ao benefício.

A solicitação do seguro vem sendo mais criteriosa e algumas pessoas desconhecem essas mudanças que ocorreram e que começarão a ser cumpridas no ano de 2021. Em busca de um processo mais focado e para evitar fraudes ou pedaladas o governo instaurou essas novas regras. Ao passar dos anos muitas das regras criadas foram alteradas e muitas foram lançadas.

Para a primeira solicitação do seguro desemprego antes era necessário ter a carteira assinada por pelo menos 6 meses e assim teria o direito ao benefício, na segunda solicitação o mesmo prazo era necessário. Com as novas regras para a solicitação do seguro houveram mudanças em relação ao tempo, no caso da primeira solicitação será necessário que os trabalhadores tenham cumprido um total de doze meses de trabalho com carteira assinada nos últimos dezoito meses, o prazo de 6 meses só passa a valer para os trabalhadores que já estejam solicitando pela terceira vez o benefício.

A solicitação pode ser feita de maneira virtual, agendando um atendimento no INSS com dia e horário marcados facilitando todo o processo tanto para os beneficiários quanto para os responsáveis por todo o sistema, e pedir o seguro desemprego pela internet agiliza toda a burocracia do sistema. Com a solicitação feita e aprovada os trabalhadores desempregados poderão receber um salário do INSS de 3 ate 5 meses.

É necessário que os empregadores e os empregados fiquem atentos a todas essas mudanças e a todos os assuntos trabalhistas que garantem seus direitos e deveres perante o mercado, para assim não ficarem desprotegidos diante de alguma situação inesperada. Os trabalhadores devem ficar de olho as novas parcelas do seguro desemprego 2021 e se atentar aos pequenos detalhes que podem influenciar qualquer decisão sobre o benefício. Já os empregadores devem se atualizar sobre todas as novas regras dos benefícios trabalhistas para assim facilitarem todo o processo do RH de suas empresas e ajudar os trabalhadores a pouparem tempo e garantirem de maneira simplificada seus direitos.

Conheça algumas medidas para redução de acidentes de trânsito

O que muitas pessoas ainda não perceberam, é que a causa dos acidentes e mortes nas rodovias não estão vinculadas apenas a embriaguez. Por isso, é importante que você conheça algumas medidas para redução de acidentes de trânsito!

É certo que a população envolvida nos acidentes, poderão contar com a ajuda do DPVAT 2021, o mesmo irá dar assistência aos envolvidos.

Recentemente no dia 29 de Setembro vários representantes de entidades de trânsito do país, discutiram o conceito de “Rodovias que Perdoam.”  O que seria esse conceito? O mesmo é uma ação que irá melhorar as condições das rodovias do país! É dessa forma que irá reduzir a grande probabilidade de acidentes, trazendo mais segurança.

Com essas ações os envolvidos em acidentes poderão ter uma taxa mínima de sequelas, o que irá salvar muitas vidas. A população apoia essa ação, com as taxas de acidentes e mortes aumentando cada vez mais, medidas precisarão ser tomadas.

O Silvio Médici, Presidente Associação Brasileira das Empresas de Engenharia de Trânsito (Abeetrans) disse: “É uma das primeiras vezes que percebo que toda a sociedade está envolvida nessa questão, se comprometendo com um trânsito mais seguro. Essa mudança de cultura é fundamental e deve continuar”.

Nas estradas do Rio de Janeiro ocorrem muitos acidentes por ano, devido a falta de qualidade das rodovias. É claro que quem auxilia os acidentados e também dar suporte as famílias, é o Seguro DPVAT no Rio de Janeiro.

Conheça algumas medidas para a redução dos acidentes 

É importante estar ciente das maiores causas de acidentes de trânsito, afinal a segurança precisa estar em primeiro lugar. Apenas um detalhe pode ser fatal, tanto para quem dirige como para quem é o passageiro do veículo.

Separemos algumas medidas de segurança para você, veja:

  • Evite acessar o celular enquanto dirige – A nossa atenção e concentração, precisa estar voltado exclusivamente para a estrada. Afinal, em apenas um segundo tudo poderá acontecer! Não pense que um pequeno deslocamento do qual você já é acostumado, nunca vai te causar problemas e por isso tudo bem acessar o celular enquanto dirige. Saiba que isso é um equívoco, caso aconteça um acidente poderá custar sua vida;
  • Siga as Leis de trânsito – Se o DETRAN é órgão regulador de trânsito, cada regra foi pensada exclusivamente para te deixar seguro. Um erro muito comum, é pensar que o cinto de segurança não é tão necessário. Acredite, ele existe para poupar a sua vida em casos de colisão;
  • Sempre faça manutenção – A manutenção irá esclarecer onde e qual peça precisará ser concertada ou substituída, isso com certeza poupará a sua vida em casos de acidente, quando o carro do nada começa a falhar.
  • Limites de velocidade – Por mais divertido que possa parecer ultrapassar o limite de velocidade, saiba que essa é uma atitude extremamente perigosa. Apenas um descuido em alta velocidade, poderá arremessar o carro diversas vezes com tanta brutalidade que no primeiro impacto quem estiver no carro não vai sobreviver.

Seja prudente, lembre-se que no volante você é responsável pela vida de todos, incluindo a sua.

Quais são os descontos na folha de pagamento do meu salário?

Os trabalhadores que atuam através da CLT se deparam mensalmente com dois valores: o salário líquido e o salário bruto. O salário líquido é o valor que estará disponível na conta do contribuinte após o cálculo dos descontos existentes. Mas afinal, quais são essas alíquotas?

Imposto de Renda

Para que você comece a entender o que representa o total descontado do seu salário base, é importante conhecer o imposto de renda. Também chamado de IR, este é um imposto aplicado no seu salário com alíquota variando entre 7,5% até 27,5%, dependendo do seu salário.

A alíquota é calculada já com o desconto da contribuição previdenciária, que você irá conhecer logo mais. Quem recebe até R$1903,99 é isento da taxa. É interessante mencionar que os trabalhadores que estiverem dentro do requisito de declaração do IR, devem ainda informar os dados requeridos pelo Imposto de Renda 2021.

Contribuição Previdenciária

A contribuição previdenciária é uma taxa obrigatória de todo trabalhador que atua com a carteira assinada e assim como o imposto de renda, varia de acordo com a faixa salarial do contribuinte, podendo promover descontos entre 8 e 11%.

Essa contribuição é referente ao valor destinado ao INSS e permite benefícios como a aposentadoria, o salário-maternidade, o auxílio-doença, a pensão por morte, entre outros. Cada um desses direitos têm seus próprios requisitos de liberação e portanto, deverão ser consultados pelo beneficiário junto ao Instituto.

Vale-transporte

O vale-transporte é custeado, parcialmente, pelo empregado, que deve cumprir com até, no máximo, 6% do seu salário. O contratante em questão deverá cumprir somente com o completo desse valor. É válido ressaltar ainda que o desconto do vale-transporte deverá vir discriminado na folha de pagamento do funcionário.

Caso o funcionário não precise utilizar o transporte público, este pode informar ao seu empregador que não há necessidade do desconto e assim, os 6% do salário deixam de estar comprometidos com este recurso.

FGTS

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) funciona como uma conta obrigatória para o trabalhador e fica inacessível até que seja liberada pelo Governo (com valores, geralmente, parciais) ou pelo fator demissão sem justa causa e para que esse valo seja possível, há o desconto na folha de pagamento do funcionário.

O desconto do FGTS representa 8% do salário do empregado e deverá estar discriminado mensalmente no seu contracheque.

Quero estudar Direito, quais as melhores universidades?

O curso de Direito é uma das graduações que mais possui estudantes em todo o país e muitas instituições do ensino superior disponibilizam essa formação, por isso, o estudante pode ter dúvidas na hora de escolher a sua universidade. Afinal, qual instituição escolher? Veja a seguir as melhores universidades para se cursar Direito:

A carreira para o graduando em Direito pode ser bem promissora. Muitos estudantes optam pelo curso devido a promessa de grandes cargos e alta remuneração.

Existem muitas possibilidades de atuação para quem segue o ramo da graduação, inclusive de cargos com pouquíssimas vagas disponíveis.

O estudante de Direito pode escolher entre o ensino privado e o ensino público para começar o seu curso e para auxiliar nessa decisão, separamos os nomes de algumas das melhores universidades de cada setor educacional.

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP) – Privada

A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP) é uma instituição do estado de São Paulo, sendo também uma das mais tradicionais da região.

A instituição do ensino superior coexiste em outros estados, tendo igualmente bastante destaque para o curso de Direito.

Quem quer ingressar na PUCSP, pode conseguir uma das bolsas de estudo do Educa Mais Brasil para 2021 e receber um bom desconto nas mensalidades.

Escola de Direito de São Paulo (FGV DIREITO SP) – Privada

Uma outra universidade do estado de São Paulo e que também se classifica como ensino privado é a Escola de Direito de São Paulo.

A instituição é integralmente voltado para o ensino dessa graduação e recebe muito prestígio por sua infraestrutura e qualidade de ensino.

Os estudantes podem ingressar através do processo seletivo do Exame Nacional do Ensino Médio ou do vestibular tradicional da instituição.

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Pública

Partindo para o ensino público, temos como uma das melhores universidades do país para se cursar Direito a Universidade Federal de Minas Gerais.

A instituição é referência em diversos quesitos educacionais e pode ter suas vagas acessadas através da pontuação do Enem.

Os estudantes devem se inscrever, no período indicado, para as vagas ofertadas pelo Sistema de Seleção Unificada (SISU).

Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Pública

Quem quer cursar Direito através do ensino público, pode optar pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

A instituição é renomado, sendo também uma das mais tradicionais do estado do Rio de Janeiro. Suas vagas também podem ser garantidas através do Enem.

Como me tornar um desembargador de sucesso?

Quem pensa em constituir uma carreira de sucesso como desembargador, já deve ter se perguntado o que é necessário e como dar inicio a este processo. Bem, esta é uma carreira de prestígio e para alcançá-la é preciso muito esforço. Quer se tornar um desembargador de sucesso? Confira as informações a seguir e saiba como isso é possível:

O cargo de desembargador pode ser considerado o ápice da carreira para quem estuda Direito, pois ão é um trabalho simples e exige integralmente os conhecimentos adquiridos durante o ensino superior.

O desembargador é responsável por ações jurídicas importantes e complexas de segunda instância, como por exemplo, o questionamento de um veredito dado por determinado juiz em um caso.

Um outro aspecto que torna essa carreira tão burocrática de ser alcançada é a remuneração mensal e as poucas vagas disponíveis para este cargo.

Mas afinal, como você pode se tornar um desembargador de sucesso? As informações a seguir constituem um passo a passo do que é preciso:

Instituição de Referência

Como mencionado, existem poucas vagas de desembargador no país e para conseguir preencher uma delas, o profissional precisa ter um grande destaque, assim como um currículo acadêmico que seja referência.

As instituições de ensino que oferecem os melhores cursos de Direito se encontram no ensino público e para ter acesso a elas, você deverá se inscrever no SISU 2021.

O SISU é o sistema oficial de distribuição de vagas do Exame Nacional do Ensino Médio e para garantir a sua entrada no curso de Direito, é necessário ter uma pontuação alta.

Esteja atento a divulgação do resultado do Enem e aplique a sua nota através das inscrições do SISUVale lembrar que o programa abre vagas duas vezes por ano.

Ordem dos Advogados

Para se tornar desembargador ou exercer os cargos relacionados a Direito, no geral, é necessário participar da prova da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Na verdade, o cargo de desembargador não exige a carteira da OAB, mas como é necessário ter um plano de carreira dentro de Direito, é recomendado participar da prova.

Concurso Público

Depois de ter concluído as etapas mencionadas anteriormente, é hora de focar na aproximação para o cargo de desembargador.

Você deverá então, participar de um concurso público para juiz ou para algum cargo no Ministério Público. Vale mencionar que esses processos seletivos são bem concorridos.

Depois disso, seja um bom profissional na sua área e tenha uma rede de contatos com profissionais de referência em Direito. não existe um concurso para desembargador, será a sua experiência que poderá levá-lo ao cargo.

Teve problemas com pedido de comida por aplicativo? Veja o que fazer

Os aplicativos de entrega representam um dos serviços mais essenciais que possuímos. De acordo com as lojas de download de apps, os mais utilizados para serviço de delivery são aqueles que trabalham com entrega de comida e cada vez mais consumidores desses estabelecimentos aderem a essa plataforma.

Mas será que esse serviço online é realmente tão completo? Muitas pessoas não sabem como proceder, caso encontrem algum problema na entrega, como por exemplo, não receber o pedido.

E para que isso não aconteça com você, separamos algumas informações importantes. Teve problema com o seu pedido de comida através do app de entrega? Saiba como proceder a seguir:

Existem diversos aplicativos que operam com serviço de entrega de comida e cada vez mais estabelecimentos têm procurando aderir a esta possibilidade, já que hoje em dia, o público prefere fazer o pedido de forma online sem precisar tratar diretamente com um atendente.

No Brasil, o público que consome do serviço de delivery tem preferência por alguns aplicativos, sendo um deles o Uber Eats. Como você já deve saber, a Uber é uma das maiores empresas de viagem de carro e por isso, logo ela criou a plataforma para entrega somente de alimentos.

Um outro app muito popular com este serviço é o Ifood, que possui uma das plataformas mais completas e que está disponível na maioria das regiões, e o Rappi, que proporciona serviço de entrega, não só de alimento, mas de diversos produtos e serviços.

É interessante saber com qual plataforma você está lidando, pois a forma de obter suporte pode ter nomes diferentes, mas é importante saber que todos os aplicativos de entrega de comida disponibilizam auxilio em caso de problemas com o seu pedido.

O suporte uber eatspor exemplo, é uma área totalmente reservada a dúvidas dos consumidores. Lá você pode encontrar informações completas, assim como telefones e e-mails para contato, caso queira ser atendido diretamente.

Mas vale lembrar que o próprio app possui funções no caso de problemas com o seu pedido. Na opção, você pode especificar o tipo de desconforto que encontrou. Por exemplo:

  • Problemas com o pedido: errado ou sem qualidade.;
  • Problemas com o motorista.;
  • Problemas com o funcionamento do app.

Essa possibilidade está disponível em todos os aplicativos de delivery e é importante saber como utilizá-los para proceder em caso de divergência no pedido. Verifique o tipo de suporte necessário para cada problema e entre em contato com o serviço para maiores esclarecimentos.

Qual a melhor universidade para cursar Direito?

O curso de Direito ainda é uma das graduações que mais possuem estudantes em todo o país. Seja pela diversidade de cargos dentro da área ou pela promessa de uma remuneração acima da média, cada vez mais estudantes entram no curso. E pensando nessa grande oferta de profissionais no mercado, vale a pena seleciona a melhor instituição para que você seja um profissional diferenciado.

Está buscando uma instituição para começar o seu curso de Direito? Confira as melhores universidades a seguir:

Universidade Privada

Para quem está buscando uma instituição privada, separamos duas opções bem interessantes par você. Vale lembrar que para ingressar em instituições privadas o método de aprovação é através do Programa Universidade Para Todos (PROUNI) para quem está dentro dos requisitos, ou o vestibular tradicional que disponibiliza as vagas para vestibulares 2020.

Universidade de São Paulo (USP)

A Universidade de São Paulo é uma das melhores e mais tradicionais instituições do estado de São Paulo e é referência número 1 quando o assunto é o curso de Direito. Essa pode ser uma ótima opção para quem pretende estudar em outra região e não mora em São Paulo. Vale mencionar que as vagas disponibilizadas pela USP são sempre muito concorridas.

Universidade Católica 

Quem não pretende estudar fora de sua região, ainda pode ter o melhor ensino em seu próprio estado. Isto porque, existem unidades da Universidade Católica espalhadas por todo o país. A instituição é reconhecida por seu ensino de qualidade e se destaca para o curso de Medicina e Direito. As vagas são concorridas mas o maior destaque da universidade vai para o seu preço alto das mensalidades.

Universidade Pública

Uma outra opção que os estudantes de Direito podem encontrar é a universidade pública. O método de ingresso é efetuado através do Sistema de Seleção Unificada (SISU) ou, no caso de algumas instituições que não aderiram ao Enem como método de distribuição de vagas, o vestibular tradicional. Ambas as opções podem ser avaliadas dependendo da universidade de escolha.

Universidade Federal

A Universidade Federal é reconhecida pela qualidade de ensino em toda América Latina e essa média não é diferente para o curso de Direito. O melhor é que todos os estados possuem uma universidade como essa e apesar de todas possuírem números satisfatórios, o destaque vai para as seguintes instituições a seguir:

  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
  • Universidade Federal do Paraná (UFPR).